Ouça a Web Rádio!
Atualizações

Ultimas Atualizações
05 de Novembro – 52 Remixes + 6 Packs
ElectroHouse, Dance, House, PsyTrance e Tech House
Atualização Anterior: 29 de Outubro – 51 Remixes + 10 Packs

Sem Vinhetas


Mariah Carey nasceu no dia 27 de março de 1970 em Long Island, Nova YorK. Desde pequena, demonstrou paixão pela música. Ela cresceu ouvindo os discos de Stevie Wonder, Sarah Vaughan e sua favorita, a rainha Soul, Aretha Franklin. Em 1988, pouco depois de terminar o colégio, começou a escrever canções. Foram nestes momentos que ela criou clássicos como “Someday” e “Loves Takes Time”. Empenhada em alcançar o sonho de ser cantora, Mariah conseguiu trabalhar como corista de Brenda K. Starr. Foi Brenda que precisamente a convence a gravar um demo. O demo contém: “All Alone in Love”, “Prisioner”, “Someday”, “All in Your Mind” e “Do You Ever Wonder”.

Um ano mais tarde, Brenda K. Starr apresentou Mariah a alguns executivos da CBS Records. A fita demo caiu nas mãos de Tommy Mottola, presidente da Columbia Records, que ficou fascinado pela voz da jovem. Tal foi o impacto que as letras de Mariah provocaram em Mottola, que ele voltou à gravadora no mesmo dia festa para conhecer a dona dequelas maravilhosas oitavas. Ele propôs a Mariah assinar contrato com a Columbia Recods, que, é claro, aceitou. Aos 19 anos, ela começou sua carreira. Em 1991, ela lançou seu segundo álbum Emotions, que não atingiu ótimas posições na Billboard.

Em 1992, Carey concordou em participar do especial Unplugged, da MTV, no qual os artistas interpretam seus maiores sucessos ao vivo e em versões acústicas. O programa foi gravado para provar que Mariah não era apenas uma cantora de estúdio, como muitos afirmavam à época. Depois que o programa foi ao ar, o cover que fez da canção “I’ll Be There” (gravada originalmente em 1970 pelo grupo Jackson 5), foi lançado como single e, devido à grande demanda do público, atingiu o primeiro lugar da Billboard na semana seguinte. Mais tarde foi lançado um álbum contendo as canções que ela interpretou no especial, intitulado MTV Unplugged – Mariah Carey.

No ano seguinte, o álbum Music Box foi lançado e se tornou um grande sucesso, alcançando a marca de 23 milhões de cópias vendidas. Os principais singles “Dreamlover” e “Hero” (que é, possivelmente, a música mais conhecida da cantora), tornaram-se mais dois ?números 1? nos Estados Unidos de acordo com a Billboard. A regravação da canção “Without You”, transformou-se num enorme sucesso ficando em primeiro lugar em mais de 15 países. Music Box foi o primeiro álbum de Carey a vender mais de dez milhões de cópias e receber um certificado de diamante.

Em 1994, Mariah lançou uma compilação de músicas natalinas no álbum Merry Christmas e vendeu 11 milhões de cópias. Em 95, já lançou seu sexto álbum DayDream, que novamente lhe rendeu um prêmio de diamantes e o single ?One Sweet Day? ficou por 16 semanas consecutivas em primeiro lugar na parada da Billboard. Em 97, Butterfly, o sétimo álbum da carreira da cantora, foi lançado com uma imagem bem mais sexy de Carey. O single ?My All? chegou ao primeiro lugar nas principais paradas de sucesso, ultrapassando Madonna e Michael Jackson. No ano seguinte, ela resolveu lançar um álbum com todos os seus hits que ficaram em primeiro lugar nas rádios, o que foi muito elogiado pelas principais críticas.

Em 1999, foi lançado Rainbow, seu nono álbum. Os singles ?Heartbreaker? (com o rapperJay-Z) e ?Thank God I Found You? chegaram ao número 1 nos EUA, a regravação ?Against All Odds?, do cantor Phil Collins, fez um grande sucesso em vários países, porém quando outro single do mesmo álbum, ?Crybaby/Can’t Take That Away? mal chegou ao vigésimo lugar nas paradas, Carey abriu o jogo e acusou publicamente a gravadora Sony/Columbia de não estar promovendo-a como deveria. No mesmo ano ela inicia um relacionamento com o mexicano Luis Miguel.

Dois anos mais tarde, Mariah assinou o maior contrato da história para um artista solo. Oitenta milhões de dólares para a produção de cinco álbuns com a gravadora Virgin Records. Nesta época, Mariah começou a agir de forma estranha em suas aparições públicas e declarou que estava trabalhando demais. Após três anos, seu relacionamento com Luis Miguel terminou. Em 2001, ela lançou o álbum e o filme Glitter. Para o azar da cantora, a data de lançamento coincidiu com o ataque terrorista de 11 de setembro, nos Estados Unidos e poucas pessoas se lembraram da novidade de Carey.

No início de 2002, a gravadora resolveu romper o contrato com Mariah e lhe pagou uma multa de 28 milhões de dólares. No mesmo ano, ela começou a trabalhar para a Island Records e lançou Charmbracelet, que teve vendagem moderada e emplacou o hit ?I Know What You Want?, uma parceria com o rapper Busta Rhymes. Após dois anos sem aparecer na mídia, em 2005, ela lançou The Emancipation Of Mimi, que lançou hits como ?We Belong Together?, ?It?s Like That? e ?Shake It Off?. No ano seguinte, o CD lhe rendeu uma turnê considerada boa em diversos países como Japão, China, Canadá e Estados Unidos.

Em abril de 2008, E=MC, seu 11° álbum, foi lançado e vendeu cerca de 460 mil cópias só na primeira semana. O primeiro single de trabalho ?Touch My Body? se tornou o 18° single em primeiro lugar de Mariah na parada da Billboard. Mundialmente, as vendas do Cd foram fracas e não ultrapassou a marca de 2 milhões de cópias. Em maio de 2008, a cantora se casa, em segredo, com ator e rapper Nick Cannon, com apenas um mês de namoro. Em maio de 2009, ela revelou em seu Twitter que seu 12° álbum se chamará Memoirs Of Na Imperfect Angel.

Agora que você já sabe mais sobre Mariah Carey confira todos os remixes desta artista disponível no site.Ver Este Conteúdo Agora.

Biografia Mariah Carey
Vote e Avalie o Post!
Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *